Arquivo de novembro de 2010

29
nov
Cozinha e sala de jantar conjugada

A cozinha, coração do lar, está cada vez mais próxima do restante da casa graças à tendência das cozinhas conjugadas. Modismo forte para ambientes grandes ou pequenos, a cozinha agora é cenário de grande parte da interação dos lares, onde é possível reunir amigos e familiares e desfrutar de momentos de confraternização.

Também conhecidas como cozinhas americanas, as cozinhas integradas contam com pisos e revestimentos fáceis de limpar e com eletrodomésticos modernos, que fazem com que os problemas como a sujeira e cheiro de comida sejam minimizados. Agora não há mais desculpa: qualquer um pode ter uma dessas em casa, basta querer.

Para ambientes pequenos, prefira conjunto de mesas e cadeiras menores como é o caso do conjunto da Linha Export. Bonito, prático e com o tamanho ideal:

(Clique aqui para encontrá-lo na loja)

Se você tem uma cozinha e sala com tamanhos privilegiados, escolha uma mesa grande e chamativa, como é o exemplo da mesa Paris, da Meu Móvel de Madeira.

(Clique aqui para encontrá-lo na loja)

Na maioria dos casos, o piso utilizado na cozinha é mantido no da sala de jantar, com a qual ela estará integrada. Mas também existe a possibilidade de compor o ambiente com pisos diferentes para que haja uma sutil distinção. Também é comum “separá-los” com uma porta de correr, com uma pequena diferença de nível entre os dois cômodos ou com apenas um balcão, que, além de servir como um divisor, será utilizado como mesa para tomar o café da manhã.

Para acompanhar os balcões na cozinha conjugada, bancos altos são a solução ideal! Este exemplo é da Meu Móvel de Madeira, da Linha Puerto: moderno e funcional, além de combinar com qualquer ambiente de forma harmoniosa.

(Clique aqui para encontrá-lo na loja)

Ao escolher os materiais, dê preferência à praticidade. Aço inox, pedras, fórmica, pisos especiais, porcelanatos, vidros… Todos esses são exemplos de materiais fáceis de limpar e manter. No ambiente, dê bastante atenção à iluminação e, se possível, à luz natural. Ela aumenta o cômodo, além de oferecer uma boa ventilação, circunstância essencial para uma cozinha de sucesso.

Para fugir dos odores de fritura, por exemplo, uma coifa com um bom sistema de exaustão é suficiente. Existem também alguns segredinhos, como os sprays perfumados e o chá de cravo, que prometem acabar com qualquer odor.

E aí, animou-se para entrar na onda das cozinhas integradas?

Poderá gostar também de:

29
nov
O Cantinho da Stella Guilhon

Para votar neste cantinho, clique em Curtir no botão abaixo.

Poderá gostar também de:

29
nov
O Cantinho da Ellen Peres

Para votar neste cantinho, clique em Curtir no botão abaixo.

Poderá gostar também de: